terça-feira, 3 de setembro de 2013

DA FORMA QUE ABENÇOAMOS PROFETAS E RECONHECEMOS SUA UNÇÃO SOMOS ABENÇOADOS


Uma frase que usei durante muito tempo, mas há algum tempo deixei de pronuncia-la: "A unção que você respeita é a unção que você recebe". Yeshuw'ah disse em Mateus 10.41,42: "Quem reconhece um profeta e o honra como profeta, receberá o galardão deste profeta". 


O problema é quando o profeta se torna seu amigo pessoal, se torna parte de seu círculo de amizade. Nesta hora você precisa ter muito cuidado para não vê-lo como coleguinha, como amiguinho, e deixar de honrá-lo; correndo o risco de perder a unção.

Pois se Deus colocou um profeta no seu círculo social, Ele fez isso por você. Tem mistério nisso. Nada acontece por acaso; Deus une pessoas com propósitos.

No texto que citei acima, Yeshuw'ah finaliza dizendo: "Você precisa DAR ao menos um copo de água pra este profeta". 

É nos pequenos cuidados com o homem de Deus que absorvemos a herança espiritual confiada a ele. Mas quando você por miséria, mesquinharia ou arrogância trata o profeta como um homem comum... urgentemente, mude seu comportamento.

Se Deus colocou um profeta na sua vida, você precisa sinalizar que o respeita, que reconhece sua unção. E de acordo com Mateus 10.41,42, a maneira que você tem para dar este sinal é DANDO ALGO para o profeta.

- A viúva pobre deu o que tinha para o profeta, e Deus a enriqueceu.
- Saul deu prata para o profeta, e Deus o fez REI.
- Eliseu lavava as mãos de Elias, e ganhou a unção dobrada.

Alimente o profeta. Pague suas compras. Dê coisas pra ele, divida o que tem... empreste, financie, promova. 

Este princípio espiritual ignorado por muitos é o elo perdido da transferência de unção. 

Que a unção da honra seja sobre a sua vida.
Apóstolo Ricardo 
Via Facebook.

Nenhum comentário: